Escolta policial para turistas, uma tendência brasileira

Na última tarde que passei em Havana, numa pedagógica viagem turística que realizei em 2005, percebi que estava sendo seguido por um policial.

Relatei o fato nos meus diários de viagem, disponíveis na coluna da direita deste blog; republico o trecho específico:

Estava parado olhando o mapa e observei que um policial se aproximou. Parou bruscamente e puxou conversa com algumas pessoas que estavam sentadas num banco de praça, mas tive a sensação de que estava me vigiando. Após analisar o seu comportamento e comparar com o que já havia aprendido sobre o país, cheguei à conclusão – apenas hipótese, reconheço – de que ele estava apenas me protegendo. O turismo é tão importante em Cuba que os policiais são orientados a garantir a sua continuidade.”

Soube, posteriormente, que, para garantir o fluxo do turismo, o governo criara uma polícia destinada exclusivamente a proteger este segmento, tamanha é a necessidade de dólares por aquele país.

A moda chegou ao Brasil.

O estado da Bahia aderiu ostensivamente à proteção dos turistas em 2007; release emitido pelo assessoria de comunicação do governador informou, então, que “a segurança dos turistas que desembarcam no aeroporto de Salvador e seguem para hotéis que ficam nos circuitos do Carnaval é garantida por escoltas da Polícia Militar. O serviço é oferecido a grupos e pode ser solicitado por agências ou físicas, desde que todos sigam em um mesmo veículo”.

Em 2009 o esquema continuava, mas foi necessária uma mudança: as autoridades optaram por soldados à paisana sob a alegação que “os turistas rejeitam policiais fardados na escolta”.

Uma rotina que veio para ficar: em 2011 a polícia, à paisana ou dentro das fardas, segue vigiando e escoltando grupos de turistas em Salvador.

Uma confissão pública da existência de uma violência social e de uma situação de risco para os turistas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: